Pesquisar neste blogue

terça-feira, 12 de maio de 2009

sem medo da morte...

"Se o samurai manchasse a sua honra, a de seus ancestrais ou a do senhor feudal, ele deveria cometer o seppuku, o suicídio ritual com a própria espada.
Os samurais surgiram no século XII para defender os feudos dos xoguns nas inúmeras guerras internas que ocorriam no país. Eles tinham um rígido código de honra, o BUSHIDO, que significa caminho do guerreiro, cujo objectivo era aperfeiçoar o carácter por meio de rígidas regras de disciplina e comportamento.

BUSHIDO

1.A busca de uma morte digna. O samurai deve estar pronto para morrer a qualquer momento;
2.A preservação da honra pessoal, de seus ancestrais e de seu senhor;
3.Ao falhar ou manchar sua honra, dos ancestrais ou de seu senhor, o samurai teria de cometer o suicídio ritual, o seppuku;
4.O guerreiro deveria sempre carregar consigo o seu par de espadas. A espada era a sua alma;
5.Ser corajoso. Melhor morrer do que ser chamado de covarde;
6.Ser justo e benevolente com os mais fracos, mas exigir respeito;
7.Manter sua palavra a qualquer custo;
8.Dedicar-se às artes como forma de aperfeiçoamento;
9.Ter gratidão à família e às pessoas que o ajudaram;
10.Lealdade ao seu senhor e dedicação ao trabalho.

Os samurais desapareceram do Japão no período Meiji, com a perda de sua hegemonia e de seus privilégios. Contudo, algumas escolas desses guerreiros sobreviveram e ensinam o que actualmente é chamado de kenjutsu."

http://madeinjapan.uol.com.br

Picante